pliAOkDArmUYmMKTamNB

CIP garante que prolongamento de cortes nada tem a ver com aumento do salário mí

  • 0
  • 0

A Confederação Empresarial Portuguesa garante que o pedido para que o corte nas horas extra e feriados seja prolongado não é uma moeda de troca pelo aumento do salário mínimo nacional. António Saraiva defende que estes cortes se devem manter, pelo menos, até ao final do próximo ano, para estimular a competitividade entre as empresas.

22 Sep 2014

2634 Visualizações

sicnot

Estatísticas do vídeo

Mostrar:

Comentários

Vídeos em Destaque