jpsEl6uf7PQzhKZAPkhQ

Já ajudou hoje alguém?

  • 0
  • 0

Quando um problema é demasiadamente grande, existe uma tendência para deixar o desespero corromper o ânimo e acabamos por baixar os braços. A pobreza tem tantas estatísticas sem rosto, que já nos habituámos a todas elas. São anos e anos a cauterizar uma consciência grupal social de que a responsabilidade da pobreza não nos pertence, mas se não somos os responsáveis, que sejamos pelo menos parte da solução. Não existe só a ajuda internacional e os donativos milionários. Comece a ajudar primeiro …

17 Oct 2014

889 Visualizações

pobreza, sos

Estatísticas do vídeo

Mostrar:

Comentários

Vídeos em Destaque