f4WbZSr5qoYgo0WUOLDk

Quando há greve do Metro, o negócio nunca é o mesmo

  • 0
  • 0

Em dias de greve, os comerciantes das estações do Metro de Lisboa vêem a facturação descer a pique. "Enquanto o Metro não abrir as portas, nós também não entramos", conta a funcionária de uma tabacaria na estação do Campo Grande. Mesmo abrindo às 10 horas, a primeira hora de ponta já passou. No fim do dia, "as sobras são o dobro". Também os utilizadores têm que alterar a rotina, mas há quem compreenda os motivos da greve e a apoie.

16 Jan 2014

507 Visualizações

comerciantes, greve, lisboa, metro

Estatísticas do vídeo

Mostrar:

Comentários

Vídeos em Destaque