eqqqHRF5SMkDH89vMMWs

João Carlos Silva, arguido no caso Taguspark, diz que tem provas para apresentar

  • 0
  • 0

O Tribunal de Oeiras começa hoje a julgar o caso Taguspark. Os arguidos são três ex-administradores do parque tecnológico, acusados de corrupção passiva. Entre eles está João Carlos Silva, suspeito de ter convencido Luis Figo a apoiar a campanha de José Socrates em 2009, em troca de uma contrato publicitário de 750 mil euros. João Carlos Silva, diz ter provas para apresentar ao tribunal de que não houve corrupção passiva para ato ilícito, crime pelo qual é acusado.

14 Feb 2013

1115 Visualizações

sicnot

Estatísticas do vídeo

Mostrar:

Comentários

Vídeos em Destaque